De acordo com Philip Kotler, o pai do Marketing, manter um cliente pode ser até 7x mais barato do que captar um novo, porém é também um processo muito mais difícil. No entanto, conhecer a Jornada de Compra do cliente é o primeiro passo para conquistar bons clientes para sua marca. Confira!

Uma venda de sucesso começa muito antes da entrega do produto, quando, por muitas vezes, o cliente ainda nem conhece sua marca. O percurso entre a descoberta da necessidade e a efetivação do pedido é conhecido como Jornada de Compra e, pensando no marketing digital, seu objetivo é atrair o cliente em potencial por meio de conteúdos relevantes. Assim, ele identifica sua marca como autoridade, passando a consumí-la e, principalmente, promovê-la.

Cada ação realizada pela marca deve ter a finalidade de avançar o cliente para a próxima etapa, em direção à compra. Conhecer a Jornada de compra do seu cliente é essencial para entender seu comportamento, estabelecer vínculo e, como consequência, antecipar-se às ações e gerar mais vendas.

Quais são as etapas da Jornada de Compra?

A Jornada de Compra é ilustrada por um funil, muitas vezes chamado erroneamente de  funil de vendas, dividido em 4 partes, que simbolizam as 4 principais etapas da Jornada de Compra.

 

Ao identificar corretamente as etapas que o cliente percorre na Jornada de Compra, os esforços são canalizados para alimentar apenas as pessoas realmente interessadas e engajadas com a sua empresa. Esses dados são muito importantes para definir a ação da equipe de vendas, que irá trabalhar de forma muito mais assertiva, gerando economia de tempo e dinheiro.

#1 Aprendizado e descoberta

Quando o consumidor resolve buscar algo, ele não está à procura de um produto, mas de uma solução para sua necessidade. Nesse estágio, ele só quer encontrar meios que facilitem seu acesso à informação desejada.

Para proporcionar essa informação e atrair a atenção do potencial cliente, você deve disponibilizar conteúdos abrangentes e úteis em seus canais (site, blog, redes sociais), que expressem benefícios que o cliente pode obter com o sua solução, mas sem citá-la nesse primeiro momento.

#2 Reconhecimento do problema

Nessa etapa, o consumidor precisa se sentir representado, pois já consegue perceber que possui um problema e que existem algumas opções para solucioná-lo. Agora, você já consegue se apresentar como uma marca que possui o que ele precisa e que está disposta a ajudá-lo.

Os conteúdos disponibilizados devem despertar o interesse e a identificação do consumidor, dessa forma, ele incluirá a sua marca entre as opções mais convenientes.

#3 Consideração da solução

Nessa etapa, o consumidor já sabe bem o que precisa e busca pelas opções mais adequadas à sua necessidade. Sua empresa precisa mostrar autoridade em seu segmento.

Agora, o seu conteúdo tem a intenção de converter o consumidor em lead, ou seja, você oferece a ele algum material especial ou muito relevante em troca de algum dado de contato, para que você possa iniciar um relacionamento – pode ser e-mail, telefone, endereço etc.

#4 Decisão de compra

Ao chegar no fim da jornada, o consumidor já terá acesso à proposta de valor oferecida pela sua empresa. O seu diferencial em relação à concorrência, suas habilidades e suas vantagens devem estar muito claros agora.

O potencial cliente quer sentir-se seguro em sua decisão, por isso, conteúdos como cases da sua marca e depoimentos de clientes atestam sua qualidade e experiência no negócio.

 

Após a compra, no entanto, inicia-se o processo de pós-venda e fidelização, muito importante para a manutenção e satisfação da base de clientes.

Como acompanhar a Jornada de Compra?

A grande vantagem de qualquer estratégia digital sobre a offline é a possibilidade de mensuração, e a Jornada de Compra não poderia ficar de fora. Cada tipo de negócio possui um período de duração e a estratégia deve ser compatível com esse prazo. É possível saber, inclusive, quanto tempo o potencial comprador leva para avançar em cada etapa no Funil de Vendas e, a partir daí, orientar as ações da equipe.

Para que essas ações sejam eficazes e as equipes de Marketing e de Vendas consigam executar o acompanhamento de todos os seus clientes, em todas as etapas do Funil de Vendas, é importante que disponham de ferramentas que as auxiliem nesse processo, como bons softwares de CRM.

Como você pôde perceber, a Jornada de Compra reforça a importância do relacionamento com os potenciais compradores, mesmo antes de tornarem-se clientes. Isso é o que os torna promotores e fãs da marca após a compra, pois seus interesses são considerados durante todas as etapas.

E então: já começou a planejar a estratégia de relacionamento, baseada na Jornada de Compra de seus clientes?

Funil de Vendas, CRM para equipe comercial
Indicadores que mostram como bater sua meta
Nunca mais perca oportunidades por falta de follow ups
Quer bater sua meta?

Gostaria de colocar estas dicas em prática dentro de nosso CRM?

Quero experimentar grátis
Isadora Lopes

Autor(a) Isadora Lopes

Consultora de Inbound Marketing, especialista em conteúdo para vendedores e gestores de times de vendas.

Mais posts de Isadora Lopes